quarta-feira, 28 de setembro de 2016

Envolvimento na política "é uma obrigação para um cristão”, diz Papa Francisco







“Envolver-se na política é uma obrigação para um cristão”, falou o Papa Francisco, ao responder a perguntas colocadas por algumas das nove mil crianças e jovens de escolas e movimentos Jesuítas com quem se encontrou no Vaticano.


Os cristãos não podem “fazer de Pilatos, lavar as mãos»: "Devemos implicar-nos na política, porque a política é uma das formas mais elevadas da caridade, visto que procura o bem comum”, frisou Francisco.


“Os leigos cristãos devem trabalhar na política. Dir-me-ão: não é fácil. Mas também não o é tornar-se padre. A política é demasiado suja, mas é suja porque os cristãos não se implicaram com o espírito evangélico. É fácil atirar culpas... mas eu, que faço? Trabalhar para o bem comum é dever de cristão”, apontou.


Francisco pediu aos participantes para se tornarem "homens e mulheres com os outros e para os outros, verdadeiros campeões no serviço aos outros".


“Num mundo que tem tanta riqueza e tantos recursos para dar de comer a todos, não se pode compreender como há tantas crianças esfomeadas, tantas crianças sem educação, tantos pobres. A pobreza, hoje, é um grito. Todos nós devemos pensar se nos podemos tornar um pouco mais pobres”, assinalou.


O papa sublinhou que “a esperança se encontra em Jesus pobre", e que ele é quem abre "a janela ao horizonte”.


Francisco afirmou ainda que não quis ser papa e explicou que prefere viver na Casa de Santa Marta, e não no Palácio Apostólico, como os seus antecessores, porque gosta de “estar entre as pessoas”. Postado por Blog do César Mello

domingo, 25 de setembro de 2016

Fotos do dia

Neste sábado estivemos fazendo um porta a porta na querida comunidade de Gravatá do Ibiapina, sentimos bem de perto a empolgação do povo com a nossa candidatura, os sorrisos, os abraços, tudo no aguarda da grande vitória no próximo dia 02/10, com muita fé em DEUS.