quarta-feira, 7 de dezembro de 2016

Aniversariante do dia

Nossos parabéns para o jovem Luiz Henrique que completa idade nova nesta data.

Aniversariante do dia

Nossos parabéns para Helia Alves que faz aniversário nesta data.

Taquaritinga em Chamas!

Espera-se para esta quarta-feira com a chegada de mais uma Brigado dos Bombeiros, juntamente com o voluntariado, que o incêndio seja totalmente dominado, rogamos a DEUS que abençoe o trabalho de todos para que nos livre Taquaritinga dessa destruição da  natureza.


Crédito de imagens: Arnaldo Vitorino

Câmara de Vereadores vota Lei Orgânica e Regimento Interno nesta quarta

Nesta quarta-feira (07/12), tem reunião ordinária da Câmara Municipal de Taquaritinga do Norte, na pauta a primeira votação do Novo Regimento Interno e a Lei Orgânica do Município, ambos revisados, revistos, atualizados. O trabalho durou todo o decorrer deste ano e a partir de sua aprovação será entregue a população para orientação e cumprimento por parte de  todos nós nortetaquaritinguenses. 


Resultado de imagem para camara municipal de Taquaritinga do norte

André de Paula Cidadão de Olinda

 Resultado de imagem para André de paula

Cidadão – A Câmara Municipal de Olinda fará sessão solene, amanhã, às 19h, para a entrega do título de cidadão ao deputado federal André de Paula (PSB), projeto do vereador Jonas Ribeiro (PRB).

Melhores do Jornalismo





MELHORES DO TELEJORNALISMO é um premio que contempla jornalistas do Brasil inteiro.

A repórter Amanda Dantas da TV ASA BRANCA concorre na categoria MELHOR REPÓRTER DO NORDESTE, se você acha que ela merece vote nela, eu já votei. Excelente repórter, trabalha na nossa região e já fez inúmeras reportagens divulgando as riquezas e belezas da nossa Taquaritinga e de outros municípios de Pernambuco.

Acesse o link abaixo e vote:

Água para todos

 Resultado de imagem para Geo Caldas

Transposição – Sob a liderança de Gel Caldas, diretor da Rádio Farol, em Taquaritinga do Norte, o movimento pela Transposição do Rio Amazonas para o Semiárido Nordestino tenta garantir três milhões de assinaturas para envolver o Governo e o Congresso na discussão. Segundo Gel, a bacia do Amazonas joga no mar 200 mil metros cúbicos de água por segundo. “Só meio por cento desta vazão resolveria a questão hídrica do semiárido nordestino”, diz ele, que na próxima sexta-feira promove novo encontro, desta feita em Surubim, no Clube Cara e Coroa, a partir das 9h, para envolver a classe política do Estado no projeto. 



Camila Queiroz e Angélica gravam “Estrelas” em Muro Alto


Postado Por Juliana Freire 


Crédito: Reprodução/ Instagram

A atriz Camila Queiroz e a apresentadora Angélica estão em Pernambuco gravando um novo episódio do programa “Estrelas”. O cenário escolhido foi a praia de Muro alto. O outro entrevistado do programa da loira será o cantor Leonardo. A apresentadora desembarcou no estado com os filhos e o seu marido, Luciano Huck, que também busca personagens para o quadro “Lata Velha”. O casal segue para Carneiros amanhã, onde vão gravar no Beijupirá. Na próxima semana, eles encontram Thiaguinho para uma gravação em Olinda.


Crédito: Reprodução/ Instagram

Roberto Carlos grava entrevista para o “Programa do Jô”

Postado Por Juliana Freire 


Crédito: Reprodução/ TV Globo

A última temporada do programa do Jô promete ser inesquecível. A prova disso é que um dos últimos entrevistados do humorista será o cantor Roberto Carlos. O Rei gravará uma conversa com Jô Soares nesta terça-feira, que só será transmitida nesta sexta- feira. De acordo com o colunista Flávio Ricco, o programa estava sendo negociado há bastante tempo, mas apenas agora que o músico conseguiu um espaço na agenda. No talk show, o cantor relembrar momentos importantes de sua carreira e dar detalhes de seu especial de fim de ano. A despedida de Jô Soares da emissora acontece no próximo dia 16.

Justiça determina afastamento do prefeito de Palmares

Postado por Magno Martins

Do G1/Caruaru

Por uma decisão judicial, o prefeito de Palmares, João Bezerra (PSB), foi afastado do cargo na manhã desta terça-feira. O afastamento faz parte da Operação Ponto Final, desencadeada ontem pelo Ministério Público de Pernambuco (MPPE) em parceria com a Polícia Civi.

O gestor municipal é acusado pelo Ministério Público de ter causado um prejuízo de R$ 10 milhões devido a dispensa de licitação em contratos com uma empresa de limpeza urbana.

Até a publicação dessa matéria, o prefeito não retornou os telefonemas do G1. A decisão cabe recurso. Com o afastamento, a vice-prefeita, Carolina Lyra (PSB), assume a gestão.

Com o apoio da Polícia Civil, o Ministério Público, cumpriu cinco mandados de busca e apreensão em prédios da prefeitura e na empresa que fazia a coleta de lixo na cidade. Segundo o promotor Frederico Guilherme, ninguém foi preso.

De acordo com o promotor, a investigação do Ministério Público encontrou irregularidades que podem ter causado prejuízos na ordem de R$ 10 milhões. "A investigação junto a promotoria mostra que existia o direcionamento com essa empresa para ter a dispensa licitação. Além disso, a empresa não tinha condições de exercer a função pelo qual foi contratada", disse.

O promotor afirmou ainda que os contratos eram renovados a cada seis meses, todos de forma irregular. "A cada seis meses contratos no valor de dois milhões e meio eram renovados, todos com a dispensa de licitação", finaliza.

Câmara: "Estaremos juntos com os municípios em 2017"


Postado por Magno Martins
O trabalho integrado e as parcerias com os municípios são princípios fundamentais para o Governo de Pernambuco para a promoção do desenvolvimento descentralizado no Estado. Esse compromisso foi reafirmado, hoje, pelo governador Paulo Câmara durante o seminário da Associação Municipalista de Pernambuco (Amupe), em Gravatá, no Agreste. Na oportunidade, o gestor ainda renovou o Plano de Combate às Doenças Transmitidas pelo Aedes aegypti e assinou o decreto que prorroga a Situação de Emergência em Saúde por mais 180 dias.

"Os prefeitos eleitos e reeleitos têm o desafio muito grande de trabalhar pelo seu município em um momento de crise econômica tão difícil. Então, a gente se prontifica a continuar com as parcerias e a buscar soluções. Os enfrentamentos vão continuar a existir, porque os recursos financeiros são escassos, diante de tanto serviço. Mas o Governo do Estado se coloca à disposição, como sempre esteve, dos 184 municípios pernambucanos", garantiu o governador.

Após a assinatura dos decretos, o chefe do Executivo estadual fez uma explanação dos avanços do Governo do Estado. Paulo afirmou ainda que sua equipe tem mantidos os esforços para atrair novos investimentos. "Apesar do momento econômico, vamos ter a primeira fábrica de medicamentos do Estado com o início da operação da Aché", lembrou Paulo.

Câmara esclareceu que a queda da arrecadação, verificada nos últimos anos, reduziu a capacidade de investimentos do Estado. Mas Pernambuco buscou as condições necessárias para continuar investindo. "Apesar do cenário, os resultados foram positivos para os pernambucanos. Os resultados mostram que Pernambuco teve a maior redução de despesas do País, em 2015, com 12,5%. E nós vamos manter", destacou.

Com o tema “Planejando uma gestão de qualidade”, o encontro promovido no Hotel Canariu's reuniu gestores municipais de todo o Estado. O prefeito reeleito de Afogados da Ingazeira, José Patriota, afirmou que estava ciente das dificuldades, mas que os gestores não podem perder a esperança no futuro. "Vamos juntos nessa travessia fazer um Pernambuco melhor para o nosso povo", afirmou Patriota.

O seminário encerrou as atividades da entidade pernambucana que tem mais de 171 administradores filiados. De acordo com a Amupe, o pleito municipal deste ano elegeu 136 novos prefeitos e outros 48 foram reeleitos. A prefeita reeleita de Arcoverde, Madalena Brito, avaliou o encontro como uma "oportunidade para trocar experiências". "Aqui, nós ouvimos experiências de prefeituras que estão dando certo na administração. E nós viemos aqui para ouvir e compartilhar", disse Madalena.

O encontro, que foi promovido em parceria com o Governo de Pernambuco, foi mais uma oportunidade para ampliar o relacionamento entre o Estado e os 184 municípios pernambucanos.

Em Gravatá, Câmara afirma que FEM será mantido


Governador de Pernambuco participou de Seminário Novos Gestores, com prefeitos do Estado


Por: Branca Alves 

Paulo Câmara discursou no eventoFoto: Anderson Bandeira/Folha de Pernambuco

Ao participar do Seminário Novos Gestores, promovido pela Amupe, em Gravatá, no Agreste, o governador Paulo Câmara (PSB) afirmou que continuará com o Fundo Estadual de Apoio ao Desenvolvimento Municipal (FEM), mas não falou em nova etapa do programa. O Fundo tem sido a principal fonte dos prefeitos para realização de obras de infraestrutura a partir de 2013, quando o então governador Eduardo Campos (PSB) lançou a proposta.

"O FEM continua. A gente tem o FEM em andamento para finalizar que é o de 2014. E o FEM de 2015 que praticamente não iniciou. Então, a gente tem essa responsabilidade. Muitos projetos que precisam ser refeitos, tem muitas ações que precisam ser corrigidas, mas a gente vai fazer isso junto com os prefeitos e as prefeitas. É sentando na mesa, vendo os caminhos que a gente vai encontrar as soluções para os municípios continuarem a ter condições também de investir e de ajudar Pernambuco", afirmou.

A declaração do governador de Pernambuco foi dada um dia após o presidente da Amupe e prefeito de Ingazeira, Luciano Torres (PSB), fazer um alerta sobre atrasos do fundo em algumas cidades do Estado. Na ocasião, o governador assinou o Plano Estadual de Arbovirose e prorrogou o estado de emergência com relação arbovirose.

De acordo com o secretário de Planejamento e Gestão do Estado, Márcio Stefanni, a liberação do FEM continua, "os planos de trabalho têm que ser executados e ele tem prazo de validade".

Com informações de Anderson Bandeira, da Folha de Pernambuco.

Prefeitos de Pernambuco conhecem as ações do Detran

Postado por Magno Martins







O governador Paulo Câmara esteve, hoje, no Hotel Canariu’s, em Gravatá, Agreste do Estado, onde participou do Encontro de Prefeitos, realizado pela Associação Municipalista de Pernambuco – AMUPE, sob o tema “Novos Gestores – Planejando uma gestão de qualidade”, que reuniu cerca de 150 prefeitos eleitos e reeleitos de todo o Estado. Na oportunidade, o governador prestou contas das ações do biênio 2015/2016 e destacou as que deverão ser executadas em 2017.

No evento, que contou com as presenças de gestores eleitos, secretários e assessores municipais, conta com o apoio da Confederação Nacional de Municípios (CNM), Caixa Econômica Federal e Sebrae, além das Secretarias do Estado, foram abordados temas primordiais para as gestões que se iniciam em 2017. Boas práticas de gestão previdenciária; desenvolvimento local e as compras governamentais; os cuidados da manutenção das patrulhas mecanizadas e máquinas do PAC, foram discutidos no encontro.

O secretário das Cidades e o diretor presidente do Departamento Estadual de Trânsito de Pernambuco – DETRAN-PE, respectivamente, Francisco Papaléo e Charles Ribeiro, acompanhado do diretor de Engenharia e Fiscalização de Trânsito, Sérgio Lins, estiveram presentes no encontro. Na ocasião, os prefeitos eleitos e reeleitos puderam conhecer as ações das Operações Rota de Fuga e Trânsito Seguro (prevenção e repressão), que fazem fiscalização do trânsito no interior, além do caminhão Iveco, que atenderá o Programa Detran Itinerante, voltado ao atendimento da população com todos os serviços disponibilizados como uma loja de shopping. Esse programa irá atender 92 municípios que não contam com Unidades da Autarquia, de forma volante e durante todo o ano. O Estado vai contar com 10 unidades do Detran Itinerante. Já a equipe da Coordenadoria de Educação para o Trânsito e artistas educadores da turma do Fom-Fom fizeram a entrega de materiais educativos.

Renan tornou Senado uma Alagoas hipertrofiada


Postado por Magno Martins

Blog do Josias

O réu Renan Calheiros transformou sua ruína judicial num processo de desmoralização do Senado da República. Com a cumplicidade da volante que faz as vezes de Mesa Diretora, Renan peitou Marco Aurélio Mello, o ministro da Suprema Corte que o havia expulsado da linha sucessória da Presidência da República. Ao se recusar a cumprir a ordem, Renan fabricou uma crise institucional a partir de um processo nascido no leito de um relacionamento extraconjugal. E o Senado virou uma espécie de Alagoas hipertrofiada.

Ou a banda muda do Senado faz barulho ou os cangaceiros da Mesa Diretora darão à maioria dos senadores uma péssima reputação. O processo que levou o Supremo Tribunal Federal a converter Renan em réu mistura o que há de mais nefasto na política brasileira. Renan teve uma filha fora do casamento. Até aí, problema dele e da patroa. Acusado de pagar a pensão da criança com dinheiro recebido da Mendes Júnior, enrolou-se nas explicações. E o problema passou a ser do contribuinte, que já não suporta fazer o papel de bobo.

Os senadores tiveram a oportunidade de se livrar de Renan em 2007, quando as pulsões do senador ganharam as manchetes. Em troca da renúncia à presidência do Senado, preservaram-lhe o mandato. Mais tarde, devolveram-lhe a poltrona de presidente mesmo sabendo que o caso resultara em denúncia da Procuradoria. Deitando-se ao lado de Renan na mesma cama pela terceira vez, o Senado levará seu desembaraço moral às fronteiras do paroxismo, humilhando-se de forma inédita. O Brasil não merece.

Com atraso de quase uma década, Renan vive o seu ocaso. Afora o caso em que virou réu, responde a outros 11 inquéritos, oito dos quais relacionados à Lava Jato. Cedo ou tarde, terá o mesmo destino de Eduardo Cunha, hoje um hóspede do PF’Inn de Curitiba. Já se sabia que o Congresso brasileiro tem um comportamento de alto risco. Mas não se imaginou que os senadores iriam para o suicídio abraçado ao cangaço.

Segundo a cultuada concepção de Churchill, a democracia é o pior regime com exceção de todos os outros. Pois o Senado parece decidido a dar razão a todos os que defendem as alternativas piores. Para usar as mesmas palavras de Renan: ''A democracia, mesmo no Brasil, não merece esse fim.'' Resta agora saber como reagirá o plenário do Supremo.

Senado desafia STF e mantém Renan na presidência


Postado por Magno Martins
 
Da Folha de São Paulo

A Mesa Diretora do Senado decidiu, ontem, desafiou a determinação do ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal, e recusou-se a afastar da presidência da Casa o senador Renan Calheiros (PMDB-AL), conforme decidido em caráter liminar.

O Senado encaminhou ao STF uma decisão da Mesa em que informa que aguardará a decisão do plenário do tribunal para então aceitar o afastamento de Renan.

O afastamento foi decidido monocraticamente por Marco Aurélio. Os demais ministros só vão apreciar o caso nesta quarta-feira (7).

A Mesa decidiu ainda conceder prazo regimental para que Renan apresente sua defesa. O oficial de Justiça deixou a presidência do Senado afirmando que Renan não assinou a notificação.

Em tese, o ministro Marco Aurélio pode mandar prender Renan com base no artigo 330 do Código Penal por desobediência a ordem judicial. A pena é de 15 dias a seis meses, além de multa.

O vice-presidente do Senado, Jorge Viana (PT-AC), disse à Folha que não será convocada sessão extraordinária na Casa para discutir a situação de Renan.

"Vamos aguardar o STF", afirmou.

Da coluna de Inaldo Sampaio


Renan não pode viver eternamente sob suspeita
Postado  por Inaldo Sampaio

Coluna Fogo Cruzado –

O STF deveria se pronunciar com mais rapidez sobre os 11 inquéritos a que Renan Calheiros responde naquela Corte
Resultado de imagem para ministro marco aurelio
O ministro Marco Aurélio, em decisão monocrática, determinou anteontem o afastamento de Renan Calheiros da presidência do Senado. Motivos, segundo ele, existem vários. O senador alagoano, além de ter-se tornado “réu” no STF, acusado pelo Ministério Público de falsidade ideológica e peculato, responde a mais 11 inquéritos naquela Corte, a maioria deles relacionados com a Lava Jato. Sem que se entre no mérito da conduta do senador, cujo afastamento por medida liminar foi criticada pelo ex-ministro Carlos Vellozo, por se tratar do presidente de outro poder, resta claro que a Justiça deveria se pronunciar com mais celeridade sobre essas acusações. Até porque, se aos olhos da opinião pública o senador já está condenado, aos olhos da justiça ainda não. E não se admite, ou pelo menos não se deveria admitir, que um cidadão passe três, quatro e até mais anos, sob suspeita, sem que se saiba se ele é culpado ou inocente.

O “pacote” da Câmara Federal

O deputado Tadeu Alencar (PSB), que é também procurador licenciado da Fazenda Nacional, cita alguns avanços aprovados pela Câmara na votação do “pacote anticorrupção” do Ministério Público: a criminalização do “caixa dois” e da “venda” do voto, e a transformação da corrupção em crime hediondo. O que não dava para fazer, diz ele, era transformar a luta contra a corrupção num “vale tudo”.
Resultado de imagem para ministro gilmar mendes
Doideira – Do ministro Gilmar Mendes sobre a liminar de Marco Aurélio pelo afastamento de Renan Calheiros da presidência do Senado: “No Nordeste se diz que não se corre atrás de doido porque não se sabe para onde ele vai”. Ele acha que Marco Aurélio endoidou de vez quando tomou esta decisão.

Cidadão – A Câmara Municipal de Olinda fará sessão solene, amanhã, às 19h, para a entrega do título de cidadão ao deputado federal André de Paula (PSB), projeto do vereador Jonas Ribeiro (PRB).

Carnaval – O prefeito eleito de Olinda, Professor Lupércio (SD), pediu apoio ao Governo do Estado para o carnaval de 2017, e terá. Mas, por causa da crise, o valor será inferior ao deste ano.

Grita – Prefeitos em final de mandato, que a Amupe reuniu ontem em Gravatá, focaram suas queixas num único alvo: o FEM do Governo do Estado. Muitos ainda não receberam parcelas de 2014.

70 anos – A Casa Militar do Governo do Estado completou 70 anos e um dos homenageados foi o coronel Mário Cavalcanti, que a comandou por 9 anos, sem contar o período em que trabalhou como ajudante-de-ordens de Miguel Arraes. Hoje, o coronel exerce as funções de interventor de Gravatá (até 31/12).

Previdência – Tal como foi enviado ao Congresso, o projeto de reforma da Previdência não passará, mas há margem para negociação. A questão da idade mínima, por exemplo. O governo propõe 65 anos para homens e milhares, mas pode cair para 62 como é hoje na França e nos Estados Unidos.
Resultado de imagem para moda center santa cruz do capibaribe
Segurança – Mais de 100 mil pessoas passaram domingo, por Santa Cruz do Capibaribe, para comprar tecidos no Moda Center (maior shopping popular do país). De olho na “bandidagem”, que não tem dado trégua aos compradores de outros estados, o prefeito reeleito Édson Vieira (PSDB) se articulou com as Polícias Civil e Militar e lançou um “Plano de Segurança”, que será executado pelo tenente-coronel Sena (secretário de Defesa Social).

Frase do dia

Resultado de imagem para Renan

Como presidente do Senado me obriguei a cumprir liminares piores do ministro Marco Aurélio. Uma delas, a qual fiz questão de cumprir, foi a decisão que impedia que acabássemos com os supersalários no Legislativo. Em outras palavras, toda vez que ele ouve falar em supersalário, ele parece tremer na alma.

Renan Calheiros, ex-presidente do Senado, debochando do ministro que o afastou do cargo

Governistas armam uma estratégia para desvincular caso Renan e PEC do teto


Josias de Souza


Em combinação com o Planalto, a bancada governista do Senado deflagrou uma estratégia para tentar salvar o calendário que prevê a votação final da chamada ‘PEC do teto’ antes do início do recesso parlamentar. Deseja-se desvincular a tramitação dessa emenda constitucional do desfecho da crise que engolfa o presidente do Senado. O governo se equipa para aprovar na próxima terça-feira (13) a proposta que congela os gastos da União —com ou sem Renan Calheiros no comando.

Aprovada na Câmara, a emenda do teto já foi referendada pelo Senado num primeiro turno de votação. Falta o segundo turno. Para acomodar a aprovação definitiva da matéria sob a árvore de Natal de Michel Temer, os partidos governistas precisam assegurar a realização de três sessões de debate no plenário do Senado. Trata-se de exigência regimental.

A primeira sessão ocorrerá na noite desta quarta-feira (7). Curiosamente, foi convocada não por Renan, mas pelo petista Jorge Viana (AC), primeiro-vice-presidente do Senado. A novidade foi confirmado ao blog na noite passada por dois senadores: José Anibal (SP), vice-líder do PSDB; e Ronaldo Caiado (GO), líder do DEM.

“Tem uns petistas tentando inviabilizar a sessão”, disse Aníbal (SP). “Mas nós vamos fazer essa sessão. Começará às 18h. E haverá quórum, pode ter certeza.” Caiado ecoou: “A pauta do Senado não é do PT. Num plenário de 81 senadores, a oposição só tem 14 votos. Vamos exercer a vontade da maioria. É preciso pensar no país, oferecendo ao governo ferramentas para combater a crise. E o teto é vital.”

Se a tática do governo funcionar, as outras duas sessões exigidas pelo regimento ocorrerão nesta quinta-feira (8) e na própria terça-feira (13), antes da votação da emenda do teto. Na hipótese de o petista Jorge Viana assumir o comando do Senado e decidir obstruir, o governo ligará o trator.

“O Jorge Viana já marcou a sessão desta quarta e vai marcar a de quinta também”, disse José Aníbal. “Se ele não marcar, o Romero Jucá marcará.” Líder do governo no Congresso, Jucá (PMDB-RR) é o segundo-vice-presidente do Senado. “O risco de não votarmos o teto na terça-feira da semana que vem é zero.”

Para Caiado, “qualquer membro da Mesa Diretora do Senado pode abrir e presidir as sessões.” O líder do DEM acrescenta: “Temos mais de 60 votos. Daremos quórum e garantiremos a aprovação. Esse esforço reúne DEM, PSDB, PPS, PSB, PMDB…”

Renan crê que STF o afastará da linha sucessória do Planalto, não do cargo

Josias de Souza
Renan Calheiros exalava otimismo nas conversas que teve na noite passada. Disse a aliados que espera obter uma vitória parcial no plenário do Supremo Tribunal Federal na tarde desta quarta-feira. Trabalhava com a seguinte hipótese: a maioria dos ministros da Suprema Corte votaria a favor de retirá-lo apenas da linha sucessória da Presidência da República, não do cargo de presidente do Senado. Renan soou como se lidasse com informações, não com suposições.

O blog apurou que a hipótese de um afastamento meia-sola foi discutida em gabinetes do Supremo. Mas não é possível antecipar se a ideia de oferecer uma saída honrosa para o réu Renan prevalecerá na sessão marcada para as 14h. O caso Renan é o primeiro item da pauta. Os membros da Corte terão de decidir se avalizam ou não a liminar expedida pelo ministro Marco Aurélio Mello, para afastar Renan do comando do Senado, e, em conseguência, do rol de substitutos eventuais do presidente da República.

Qualquer decisão que possa ser festejada por Renan será exposta nas manchetes como uma extravagância, uma vez que já existe maioria formada no plenário do Supremo a favor da tese segundo a qual um réu em ação penal não pode permanecer em cargo que esteja na linha de sucessão do Planalto —pela ordem: presidências da Câmara, do Senado e do próprio Supremo. O veredicto só não foi proclamado porque o ministro Dias Toffoli pediu vista do processo, levando-o à gaveta.

Composto de 11 ministros, o plenário do Supremo deve deliberar com dois magistrados a menos nesta quarta. Gilmar Mendes viajou. E Luis Roberto Barroso decidiu não participar do julgamento. Proposta pela Rede, partido de Marina Silva, a ação que resultou na liminar de Marco Aurélio foi subscrita por advogados do escritório em que Barroso trabalhou antes de ser guindado a uma poltrona no Supremo.

terça-feira, 6 de dezembro de 2016

Taquaritinga do Norte decreta estado de calamidade por conta de incêndio


Chamas que consomem área de mata já duram cinco dias


Por: Portal FolhaPE, com informações de Priscilla Costa, da Folha de Pernambuco em 06/12/16

Incêndio atinge área de mata em Taquaritinga do NorteFoto: Leo Motta/Folha de Pernambuco

Voluntários se empenham para combater o incêndio que já dura cinco dias em área verde de Taquaritinga do Norte, no Agreste de Pernambuco, e consumiu cerca de cinco hectares de vegetação. Todos com baldes e mangueiras nas mãos, ajudando como podem. A prefeitura do município decretou estado de calamidade pública.

Os voluntários têm como base uma casa que dá acesso à mata afetada pelo fogo, que é propriedade particular. O dono do imóvel está no Rio de Janeiro e deve vir ao local apenas nesta quarta-feira (6). O caseiro que abriu a casa para os voluntários.

O fogo, acreditam os Bombeiros, veio da divisa de Vertentes, a 10km de Taquaritinga, e atingiu a Serra da Taquara, Mata da Conceição e Mata de São José, destruindo várias árvores centenárias. Atualmente, a área incendiada está a cerca de 2km do centro de Taquaritinga.

Segundo a CPRH, uma equipe de biólogos e engenheiros florestais chegou, na manhã desta terça-feira, ao município com equipamentos apropriados para o resgate de possíveis animais silvestres da área de mata atingida pelo incêndio. A equipe está percorrendo a área e, havendo resgate, os animais serão levados ao Centro de Animais Silvestres de Pernambuco (Cetas Tangara), no bairro de Guabiraba, no Recife.

Em um segundo momento, será feita uma avaliação dos danos ambientais causados na área em consequência do incêndio.

Nesta terça, por volta das 15h, haverá reforço da Defesa Civil e do Exército e no número de bombeiros militares. Também é esperada a presença de 50 bombeiros civis. A ação conjunta contará também com helicóptero que ajudará a dimensionar a queimada e identificar os focos de incêndio, já que o fato de a área ser de mata fechada dificulta muito o trabalho dos bombeiros e voluntários.

Enquanto isso, os ajudantes organizam frentes de trabalho para dividir as tarefas. Só na segunda-feira (5), foram utilizados mais de 50 mil litros de água, mas o clima seco e o vento dificultam ainda mais o combate. O empenho da comunidade é grande: os moradores disponibilizam água de seus poços artesianos e de um açude próximo. Está sendo assim desde a última quinta-feira (1º), quando o incêndio começou.

O trabalho tem início às 6h30 e segue até as 19h. O problema é à tarde, quando as chamas tomam maior proporção. Toda a área de mata é privada e possui cerca de 30 hectares. As pessoas lamentam o fato de a rampa do Pepê, na Serra da Taquara, ter sido atingida, já que é o principal ponto turístico da região. É na rampa que atletas de todos os lugares do Brasil praticam voo livre.